Donovan sobre grupo dos Estados Unidos na Copa: ‘Um dos mais difíceis’

Seleção americana está no Grupo G junto com Alemanha, Portugal e Gana

POR FERNANDO H. AHUVIA - DIRETO DE SÃO PAULO

Astro dos Estados Unidos, o meia Landon Donovan está próximo de disputar a sua quarta Copa do Mundo. Isso tudo, porém, não teria acontecido se não fosse o irmão mais velho do jogador.

- Quando eu era jovem não havia futebol na TV. Não é como no Brasil, onde pessoas veem o tempo todo. Eu tinha um irmão mais velho que jogava e aí comecei a assistir. Adorei rapidamente e joguei o tanto quanto pude. As pessoas foram dando as oportunidades e cheguei aqui – disse Donovan.

Donovan também reconheceu que a seleção americana está em um dos “grupos da morte” do Mundial de 2014.

- Eu concordo que é o grupo da morte, mas só porque também estamos. No passado, seria um grupo fácil para Portugal e Alemanha. Agora, por estarmos nele, será um dos mais difíceis do torneio – analisou.

- A estreia é sempre muito importante. Se você vence na estreia sua possibilidade aumenta muito e se você perde diminui. Vamos nos preparar para enfrentar Gana e depois pensamos nos outros – completou.

Por fim, o jogador admitiu que gostaria de atuar no futebol brasileiro, mas acredita que pela sua idade avançada esse sonho será difícil de se realizar.

- Adoraria (jogar no Brasil), mas não sei se será possível. Estou feliz no Los Angeles Galaxy, tenho mais três anos de contrato. Já estou mais velho, não sei se conseguirei jogar depois disso – concluiu o meia.