Com gol aos 50 do segundo tempo, Flamengo vence Bangu e mantém 100% na Taça Rio

Assista aos gols da partida!

Depois de uma pressão inacreditável nos minutos finais do jogo, o Flamengo fez um gol salvador com Diego Maurício aos 50 minutos do segundo tempo e venceu o Bangu por 2 a 1, pela segunda rodada da Taça Rio, em Macaé.

O resultado mantém o Flamengo sem derrota no ano e os 100% na Taça Rio. Vale lembrar que a equipe da Gávea está já garantida na final do Campeonato Carioca por ter vencido a Taça Guanabara, primeiro turno do Estadual.

Apesar do final emocionante, a partida não foi assim durante seu decorrer. O primeiro tempo de jogo começou morno e o Flamengo só foi abrir o placar graças a um lance polêmico do árbitro do jogo.

Após um pênalti muito polêmico assinalado pelo árbitro Djalma Beltrame em cima do lateral-direito Leonardo Moura, Ronaldinho Gaúcho cobrou sem chances para o goleiro adversário e abriu o placar para o Flamengo aos 24 minutos de jogo.

Os rubro-negros mal terminavam de comemorar o seu gol e Beltrame marcou outra penalidade que gerou muita discussão, só que dessa vez a favor do Bungo. Na cobrança, Pipico converteu e empatou o jogo.

Na segunda etapa, o time rubro-negro fez uma pressão incrível em cima do Bangu e só foi fazer o gol da vitória aos 50 minutos do segundo tempo com Diego Maurício, em uma cobrança de escanteio.

Na próxima rodada, o Flamengo terá pela frente o clássico contra o Fluminense, no Engenhão, domingo. O Bangu encara o América em Edson Passos.

Flamengo conseguiu vitória heroica contra o Bangu; assista aos gols da partida!O Jogo - Mal a partida começou e o Flamengo quase chegou ao gol. Thiago Neves recebeu na entrada da área e tentou encobrir o goleiro do Bnagu mas a bola passou por cima do travessão. O time dirigido por Vanderlei Luxemburgo tentava imprimir uma troca rápida de bolas para furar o esquema defensivo da equipe de Moça Bonita.

O Bangu chegou na área rubro-negra aos 12 minutos em cabeçada de Leandro Costa que assustou o goleiro Felipe. O BVangu se animou e no minuto seguinte, Pipico arriscou de fora da área e Felipe teve que se esticar todo para evitar que a bola entrasse. Logo depois, o mesmo Pipico criou problemas para a defesa rubro-negra ao evitar Ronaldo Angelim e bater para nova defesa de Felipe.

O Fla encontrava dificuldades para sair jogando e novamente Pipico apareceu, agora aos 16 minutos e cabecear com perigo, obrigando Felipe a praticar outra boa defesa. Mesmo sem jogar um bom futebol, o Flamengo abriu o marcador aos 24 minutos. Léo Moura e Fabiano Silva embolaram na grande área e o árbitro marcou pênalti. Ronaldinho Gaúcho cobrou com um chute forte sem dar chance ao goleiro banguense.

Um minuto depois, Pipico entra na área pela esquerda e cai ao ser acossado por Welinton. O árbitro marcou pênalti e Pipico cobrou com categoria para empatar a partida. Os dois times cometiam muitos erros e discutiam cada marcação do árbitro Djalma Beltrame, principalmente depois dos pênaltis que foram contestados pelos jogadores das duas equipes.

Aos 32 minutos, Leonardo Moura tentou forçar outra penalidade em lance dividido com o zagueiro Abílio mas o árbitro mandou o jogo seguir.

Os dois times reduziram o ritmo e quase não criavam mais jogadas de perigo apesar de o Rubro-Negro ter mais posse de bola. Ronaldiinho Gaúcho, bem marcado, tinha uma atuação discreta. Só aos 38 minutos, Renato Abreu recebeu a bola em boas condições mas o chute saiu torto e sem levar perigo para o gol de Thiago Leal. O mesmo Renato voltou a concluir aos 43 minutos sem causar perigo ao gol banguense.

O Flamengo voltou para o segundo tempo com Fierro no lugar de Leonardo Moura e Diego Maurício na vaga de Willians. Aos quatro minutos, Diego Maurício fez boa jogada pela direita e passou para Thiago Neves na área mas o jogador rubro-negro dominou mal e perdeu a chance de concluir. O mesmo Diego fez outra boa jogada no minuto seguinte e chutou para boa defesa de Thiago Leal. O Flamengo continuava melhor em campo e aos dez minutos, Ronaldinho fez ótimo passe para Thiago Neves que acertou a trave direita do Bangu.

Para aumentar o poder de fogo da equipe, Vanderlei Luxemburgo trocou o meia argentino Botinelli pelo atacante Wanderley. Com a presença de um atacante fixo na área, Ronaldinho recuou e passou a aparecer na partida com com bons passes para seus companheiros. Aos 20 minutos, o Bangu chegou pela primeira vez com perigo na segunda etapa em lançamento de Thiago Galhardo para Pipico que ó não concluiu porque o zagueiro Welinton chegou primeiro e aliviou o perigo.

Aos 25 minutos, China atingiu Ronaldinho Gaúcho que teve de sair de campo para ser atendido. Logo depois, André Barreto, sem marcação, chutou forte e Felipe espalmou para escanteio. O Bangu mostrava bom toque de bola e envolvia a defesa rubro-negra que chutava para qualquer lado para aliviar o perigo. Aos 34 minutos, Ronaldo Angelim saiu jogando errado e a bola ficou com Pipico que tentou o gol mas errou o chute.

Aos 35 foi a vez de Diego Maurício tentar a conclusão mas foi travado pela zaga. Aos 37 minutos, Ronaldinho cobrou falta, a bola desviou na barreira e saiu à esquerda. O Flamengo pressionava em busca do desempate e após cobrança de escanteio, Vanderlei cabeceou de costas e quase surpreendeu o goleiro Thiago Leal. Aos 40 minutos, Ronaldinho rolou para Welinton mas Thiago Leal espalmou para escanteio. Logo depois Ronaldinho atingiu Diego Padilha e recebeu cartão amarelo.

Nos minutos finais, o Flamengo partiu para o abafa e Renato Abreu perdeu a chance de desempatar ao cabecear para fora quando estava livre na área. Thiago Neves arrancou desde a intermediária e chutou com grande perigo para o gol de Thiago Leal. Aos 50 minutos, em cobrança de escanteio, Diego Maurício, de cabeça, decretou mais uma vitória do Flamengo.

FICHA TÉCNICA BANGU 1 X 2 FLAMENGO
Local: Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ)
Data: 10 de março de 2011 (Quinta-feira)
Horário: 19h30(de Brasília)
Árbitro: Djalma Beltrami (RJ)
Assistentes: Vinícius Pampurre (RJ) e Marcelo Mariano (RJ)
Pagantes: 6.158 pagantes
Cartão Amarelo: André Barreto, Ricardinho(Ban); Leonardo Moura, Willians, Bottinelli e Ronaldinho Gaúcho(Fla)
Gols: BANGU: Pipico aos 25 minutos do primeiro tempo
FLAMENGO: Ronaldinho Gaúcho aos 24 minutos do primeiro tempo e Diego Maurício aos 50 minutos do segundo tempo

BANGU: Thiago Leal; China, Diego Padilha, Abílio e Fabiano Silva; Josiel, André Barreto, Thiago Galhardo(Possatto) e Ricardinho(Thiano); Pipico e Leandro Costa(Somália)
Técnico: Gabriel Vieira

FLAMENGO: Felipe; Leonardo Moura(Fierro), Welinton, Ronaldo Angelim e Egídio; Willians(Diego Maurício), Maldonado, Renato Abreu, Botinelli(Wanderley) e Thiago Neves; Ronaldinho Gaúcho
Técnico: Vanderlei Luxemburgo