Corinthians adia para maio o início das obras do estádio em Itaquera

"Futuro estádio do Corinthians deve ficar pronto em 2013"

SÃO PAULO - O diretor-administrativo do Corinthians, André Luiz de Oliveira, disse nesta segunda-feira que a expectativa do clube é de que até o fim de abril seja regularizada a situação do terreno de Itaquera, na zona leste de São Paulo, onde será construída a arena para a Copa do Mundo de 2014. Oliveira disse que a programação é de que as obras para construção do estádio tenham início em maio. A previsão anterior era que a construção começasse em abril. O próprio ministro dos Esportes, Orlando Silva, havia estipulado que as obras deveriam começar no máximo até o fim deste mês.

No entanto, Oliveira acredita que, até maio, o Corinthians conseguirá pelo menos uma parcela do empréstimo que deve ser concedido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) por meio da Caixa Econômica Federal, de R$ 400 milhões. O empreendimento é hoje estimado em R$ 650 milhões. 'A gente espera que, até maio, seja regularizada a situação com o Ministério Público (MP)', disse, após evento no Palácio dos Bandeirantes. 'O empréstimo do BNDES deve ser liberado em partes, e não de uma vez só', explicou.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab, participaram de café da manhã com representantes de 12 clubes de futebol do Estado, entre eles os de Santos, Palmeiras, São Paulo e Portuguesa. O presidente do Corinthians, Andres Sanchez, está internado por conta de infecção na perna e não pôde comparecer ao encontro.

Sanchez foi representado pelo diretor-administrativo. Em discurso, Kassab ressaltou que a capital está empenhada para a abertura da Copa e que o futuro estádio do Corinthians é a 'única solução para que São Paulo sedie a abertura do evento'.

Veja também:

ESTADÃO ESPN - Estádio do Corinthians no Playcenter exigiria mais investimentos, opina arquiteto

Brasil caminha a passos lentos rumo à Copa do Mundo em 2014

Alessandro vê vantagem corintiana por jogar em casa