Americano disse que Bones não tem focado seus treinos na luta com Hendo – Evelyn Rodrigues

Americano disse que Bones não tem focado seus treinos na luta com Hendo – Evelyn Rodrigues

O falastrão atacou novamente, no mesmo dia que seu treinador apostou que uma vitória em dezembro daria a chance a Chael Sonnen de disputar ao título com Jon Jones. Dessa vez, a provocação não foi direta e o americano apostou na psicologia inversa. “Eu nunca lutarei com Jones. Está rodeado de gente sincera. Quando perguntam ‘Chael é melhor que eu?’, dizem sim. ‘Chael me venceria?’ Dizem sim. ‘Chael vai tirar meu título’, dizem sim”, provocou Sonnen no programa de TV americano UFC Tonight.

Jon Jones e Chael Sonnen entraram numa briga de palavras nas últimas semanas, o que é estranho se considerarmos que o campeão ainda enfrenta Dan Henderson no UFC 151. “Ele tem que se preocupar em vencer Dan Henderson, o que ele não tem feito. Tem que se preocupar com a mão direita de Dan Henderson. Achei surpreendente ele dizer que isso era uma motivação para ele”.

“Dizer que eu o motivei? Tudo bem, eu acho. Mas então para que exatamente ele paga os técnicos dele? Ele não vai durar muito. A única coisa que precisamos saber de Jones é para qual hospital nós devemos mandar flores”, provocou o falastrão. Jon Jones é o favorito para a luta com Henderson segundo as apostas para a luta. A cada sete apostas no campeão, há apenas uma para Hendo. Já Sonnen está escalado para o UFC 155, para enfrentar Forrest Griffin.

“Não preciso bater Jon, só quero. Poderia subir lá e tirar o cinturão como tiraria o doce de uma criança”, completou Chael. O cartel de Chael Sonnen não deve assustar Jon Jones. O lutador de 35 anos tem 40 lutas na carreira, com 27 vitórias. Suas últimas quatro derrotas foram para os brasileiros Anderson Silva, duas vezes, Demian Maia e Paulo Filho.

Jon Jones é o atual campeão dos meio-pesados do UFC e vem de sete vitórias em sua carreira de MMA. Sua única derrota foi uma polêmica desclassificação em uma luta com Matt Hammil, no final de 2009. Bones vem de três defesas de cinturão contra ex-detentores do título: Lyoto Machida, Rashad Evans e Quinton ‘Rampage’ Jackson.