Cidade de Las Vegas já vive o clima da luta - Evelyn Rodrigues

Cidade de Las Vegas já vive o clima da luta - Evelyn Rodrigues

Junior dos Santos e Frank Mir protagonizam no próximo sábado(26) o duelo que vai definir a hegemonia ou não do brasileiro como o campeão dos pesados do UFC. E, apesar de só terem sido confirmados oficialmente como oponentes há cerca de um mês, os dois já trocaram diversas declarações por meio da imprensa, o que definitivamente alterou o clima e os ânimos de ambos para o embate.

O norte-americano, que inicialmente estava escalado para enfrentar Cain Velásquez no card principal do mesmo evento, acredita que a mudança de oponentes o favoreceu. “A diferença que eu vejo a favor do Cigano é que ele tem um boxe melhor que o do Velásquez, tem mãos mais rápidas. Mas ele não é tão versátil quanto o Cain. Quando se enfrenta Junior Cigano, não é segredo para ninguém que ele não tem a menor chance de vencer caso a luta vá para o chão. Ele é o tipo de lutador que soca e corre”, disse ele ao programa Inside MMA. Ao saber das declarações, Cigano retrucou: “Eu acho que ele diz coisas que nem ele mesmo acredita. Não é possível que ele acredite que pode me bater mais forte do que eu vou bater nele”.

VEJA TAMBÉM: Quem leva a melhor entre Cigano e Mir nos números?

Mir alterou a sua preparação quando a luta contra Cigano foi confirmada. Ele manteve a maior parte dos parceiros de treino, mas os instruiu a dar mais ênfase ao boxe do que buscar as quedas, pois Cigano tem se garantido na luta em pé desde que assinou com o UFC, há 4 anos. Mas, segundo Mir, o brasileiro nunca sofreu tanta pressão como a que vai sofrer no UFC 146. “Quando você é o desafiante, se você perder, você perde a chance do cinturão. E, contanto que você tenha uma boa performance, você sai sem tanta cobrança. Mas se você é o campeão, você não tem escolha. As pessoas esperam que você vença. É chegado o momento de ver se Junior dos Santos está pronto para o desafio”, declarou Mir ao Las Vegas Sun. “Eu não tenho dúvidas sobre como será a minha performance”, finalizou.

Campeão dos pesados desde a sua vitória sobre Cain Velásquez, em novembro passado, Junior Cigano é apontado como favorito na luta deste sábado, inclusive nas bolsas de apostas de Las Vegas, onde o brasileiro tem 80% da preferência. “Eu sei que o Frank Mir vai tentar levar a luta para o chão utilizando o seu jiu-jitsu. Ele tem bons socos também, mas eu acredito muito mais nas minhas mãos. Todas as lutas começam em pé,  então eu acho que posso ter uma vantagem em manter a luta em pé e buscar o nocaute. Eu vou dar o meu melhor para nocauteá-lo, mas se a luta for para o chão e ele conseguir me manter lá, eu vou mostrar o meu jiu-jitsu para todo mundo. Eu só posso dizer que estou pronto para lutar e não importa onde. Eu posso surpreender todo mundo levando a luta para o chão também”, disse Cigano ao MMA Mania. O brasileiro também prometeu responder às provocações de Mir dentro do octógono.

O card principal do UFC 146 ainda conta com outro brasileiro em ação. Antônio Pezão, que inicialmente havia sido escalado para duelar contra Roy Nelson, enfrentará Cain Velásquez. No card preliminar, a presença verde-amarela fica por conta de Diego Brandão, que encara Darren Elkins e de Glover Teixeira, que faz sua estreia no UFC contra Kyle Kingsbury.

CARD COMPLETO

UFC 146 Las Vegas, Estados Unidos. Sábado, 26 de maio de 2012

CARD PRINCIPAL- Junior Cigano  X Frank Mir;- Cain Velásquez  X Antônio Pezão;- Dave Herman X Roy Nelson;- Shane Del Rosario X Stipe Miocic;- Lawar Johnson X Stefan Struve;

CARD PRELIMINAR- Darren Elkins X  Diego Brandão;- Edson Barboza X Jamie Varner;- Jason Miller X C.B. Dollaway;- Jacob Volkmann X Paul Sass;- Dan Hardy X Duane Ludwig;- Kyle Kingsbury X Glover Teixeira;- Mike Brown X Daniel Pineda.