Dirigente não gostou de dados sobre bloqueios contratuais com Strikeforce – Evelyn Rodrigues

Dirigente não gostou de dados sobre bloqueios contratuais com Strikeforce – Evelyn Rodrigues

A notícia diz que lutadores do Strikeforce teriam algum tipo de impedimento para assinar com o UFC, mas Dana White teve uma reação dura. De acordo com Dave Meltzer, do Wrestling Observer, alguns lutadores da outra organização não poderiam assinar com o Ultimate por questões contratuais da Zuffa, empresa que gerencia ambas as companhias. Os lutadores que teriam esse problema são Gilberto Melendez, Luke Rockhold e Ronda Rousey.

Dana White respondeu à questão com vigor e disse que isso não passa de uma besteira. “Qual a p**** do problema do Meltzer? Ele está louco? Isso absolutamente não é verdade! Dave está maluco! Ele está inventando m****!”, falou o cartola. Essa resposta foi dada a Geno Mrosko, do site americano MMA Mania.

A pergunta irritou o dirigente, mas faz algum sentido. O UFC ainda busca alguns lutadores no Strikeforce, como Dan Henderson, Nick Diaz e Alistair Overeem, enquanto outros nomes ficam para trás. O motivo disso acontecer depende de para quem você pergunta. Dave Meltzer já tem uma história de discórdias com Dana White. Em outra ocasião o jornalista fez questões também relacionadas a contratos da empresa que gerencia o UFC e o Strikeforce, mas com relação a emissora Fox. Mais uma vez, o mandatário do Ultimate afirmou que as informações eram mentirosas.

Embora tanto o Strikeforce quanto o UFC pertençam à Zuffa, eles continuam a ser duas entidades que operam de forma separada. A maioria dos que acompanham MMA espera uma fusão inevitável. Foi assim que aconteceu com o World Extreme Cagefighting (WEC), que passou por essa unificação há cerca de dois anos.