James McSweeney já lutou no UFC – Reprodução/Twitter

James McSweeney já lutou no UFC – Reprodução/Twitter

Pela segunda vez em menos de uma semana, um lutador de MMA tem seu dia de herói. Na segunda-feira, Reza Madadi salvou uma criança que estava se afogando no mar, e na quarta-feira, o ex-UFC e ex-TUF 10 James McSweeney impediu um assalto em uma loja de Las Vegas.

O lutador inglês contou ao portal MMA Junkie que estava olhando algumas lojas da cidade com a sua família quando, na frente de uma delas, duas pessoas começaram uma briga para distrair a funcionária que trabalhava no caixa.

“Quando estavam separando a briga, um dos caras correu para o caixa atrás do balcão, pegou um punhado de dinheiro e depois puxou uma faca”, disse o lutador.

De acordo com McSweeney, a lâmina da faca media entre sete e dez centímetros e estava apontada diretamente para a funcionária. Para o azar do ladrão, o lutador já havia trabalhado como segurança e era treinado para lidar com situações como esta.

“Eu não queria que ninguém se machucasse. Então eu o agarrei de lado, pelo ombro e pela lapela, peguei a faca, o derrubei e fiquei o segurando no chão até que a segurança chegou, colocou algemas nele e levou ele embora. Ninguém se machucou, é isso o que importa", contou o inglês.  

"Treinamos todos os dias para parar esse tipo de coisa, e eu sempre fico feliz de ajudar”, concluiu.