Shogun quer vencer Vera e ter a revanche contra Jon Jones - Marcel Alcântara

Shogun quer vencer Vera e ter a revanche contra Jon Jones - Marcel Alcântara

Considerado um dos melhores lutadores entre os meio-pesados do UFC, Maurício 'Shogun' Rua terá uma chance de ouro para voltar a ficar no topo da categoria. Neste sábado, o brasileiro entra no octógono para enfrentar o americano Brandon Vera. Caso vença, ele provavelmente terá chance de desafiar o atual detentor do cinturão, Jon Jones.

Mas, caso não consiga o triunfo, Shogun já pensa sobre qual pode ser seu futuro dentro do Ultimate. E quando perguntado sobre uma possível luta contra o falastrão Chael Sonnen, o brazuca mostrou grande vontade em enfrentar o americano.

"Ele fala demais. Seria um grande prazer para mim. Eu o respeito como lutador, mas ele tem uma boca grande demais", afirmou Shogun, em um chat para fãs no "Yahoo.com". Ele também garantiu que não veria problemas em enfrentar Anderson Silva. "Adoraria enfrentar o Anderson. É o maior de todos os tempos. Mas só lutaria com ele entre os meio-pesados. Não dá para eu descer para os médios".

Mas Shogun garante que o seu foco está realmente voltado para uma revanche com o americano Jon Jones, que tirou seu cinturão dos meio-pesados.

"Esta é a luta que eu busco. Quero o cinturão de volta. Acredito que agora é mais fácil estudar o Jon Jones. Quando nos encontramos, pela primeira vez, ele era uma novidade. Agora, já o vimos lutar com outros caras e temos uma ideia do que ele pode fazer no octógono. Estou trabalhando para derrotá-lo numa revanche", garantiu o brasileiro.

A luta entre Shogun e Vera será o principal combate da noite do dia 4 de agosto. Lyoto Machida também faz uma importante luta contra Ryan Bader.