Anderson aplica joelhada polêmica em Chael Sonnen - Divulgação/UFC

Anderson aplica joelhada polêmica em Chael Sonnen - Divulgação/UFC

A luta entre Anderson Silva e Chael Sonnen ocorreu no último sábado (7), mas a disputa entre os dois ainda deve estar longe de acabar. De acordo com o site "MMA Mania", o norte-americano entrará com um recurso na Comissão de Nevada para anular o combate.

O motivo para a ação movida por Sonnen seria um dos golpes que culminou na sua derrota por nocaute no segundo round do UFC 148. A alegação do americano é que a joelhada que Anderson deu no início da sequência de golpes que decretou o fim do combate seria ilegal pois atingiu também a sua cabeça.

Ironicamente, logo após o combate, o discurso de Sonnen era diferente. O americano havia reconhecido a vitória de Anderson, não quis comentar a decisão do juiz e ainda chegou a elogiar seu rival.

“É importante, quando você perde, não dizer que seu adversário foi melhor nesta noite. O melhor cara ganha toda hora e foi isto que aconteceu esta noite”, disse Sonnen na coletiva realizada após o UFC 148.

"Sabe, eu não tomo essas decisões e eu odeio as regras de qualquer jeito. Sou da velha guarda cara, antes nós não tínhamos rounds, divisão por peso todas essas coisas. Nós estamos em um momento muito melhor agora, eu não proponho que devemos voltar a isso, mas eu não me importo com legal ou ilegal", completou.