Dana White quer ver atletas olímpicos indo para o MMA – Evelyn Rodrigues

Dana White quer ver atletas olímpicos indo para o MMA – Evelyn Rodrigues

O presidente do UFC, Dana White, está mais preocupado em promover as lutas de sua organização do que em assistir às Olimpíadas de Londres. Mesmo não acompanhando os resultados dos jogos, Dana acha que começar uma carreira no MMA seria uma opção viável para os atletas olímpicos que não quiserem mais competir a cada quatro anos.

“Não estou assistindo nada, mas acho que quando você é um atleta olímpico e atinge o auge, você pensa em qual será o seu próximo passo. A não ser que você vá competir novamente em quatro anos, treinar MMA é uma boa saída. Os atletas podem continuar ganhando a vida sendo esportistas profissionais. Eu adoraria ver alguns atletas olímpicos treinando MMA”, disse o cartola na coletiva de imprensa do UFC on Fox 4, realizada nesta quinta-feira (2).

Alguns lutadores renomados de MMA já competiram em jogos olímpicos. A campeã das pesos-galo do Strikeforce, Ronda Rousey, foi bronze no Judô em 2008 e se tornou a primeira mulher americana a ganhar uma medalha olímpica na modalidade. Hector Lombard também era judoca, representando Cuba nas Olimpíadas de Sydney, em 2000.

Dan Henderson e Daniel Cormier já integraram o time olímpico americano de luta greco-romana, também conhecida como wrestling. Hendo competiu duas vezes: a primeira em 1992, em Barcelona, na Espanha, e depois em 1996, em Atlanta, nos Estados Unidos. Cormier lutou apenas uma vez, em 2008, nos jogos de Pequim, na China, mas sofreu um problema nos rins e precisou sair do torneio.