Olimpíadas 2012Olimpíadas 2012Banco do Brasil
pa.press.net
Atualizado: Mon, 02 Apr 2012 15:11:15 GMT | Por pa.press.net

EUA : Anna Tunnicliffe

Nascida em: 17/10/1982


Anna Tunnicliffe comemora seu sucesso na vela nos Jogos de Pequim de 2008. (© Press Association)

Anna Tunnicliffe comemora seu sucesso na vela nos Jogos de Pequim de 2008.

Nascida em: 17/10/1982

Local de nascimento: Doncaster, Inglaterra

Modalidade: Vela

Olimpíadas passadas: 1

Medalhas: 1

É justo dizer que não são muitos os velejadores nascidos na cidade do interior britânico de Doncaster que se tornam campeões olímpicos no esporte.

Mas Anna Tunnicliffe já percorreu um longo caminho desde suas origens inglesas, e é por isso que nas Olimpíadas de Londres de 2012 ela representará os EUA e não o país onde nasceu.

Embora tenha passado seus primeiros anos no norte da Inglaterra, a talentosa velejadora se mudou para o outro lado do Atlântico, para Perrysburg, Ohio, aos 12 anos de idade. Lá ela frequentou o nível fundamental e começou a participar do Clube de Iatismo de North Cape para continuar progredindo até a classe Laser Radial.

Tunnicliffe viria a ganhar o ouro olímpico no barco individual uma década após iniciar no esporte, mas, primeiramente, ela passou um perído de quatro anos na Universidadae Old Dominion como forma de aprendizado

A atleta de 29 anos ficou com vários títulos nacionais durante sua época na Virginia School, e rapidamente aprendeu com os seus erros no dificílimo circuito universitário de iatismo.

Foi também nessa época que ela se ligou ao treinador Mitch Brindley, cujas orientações ultrapassaram e muito os anos universitários de Tunnicliffe.

Sob sua tutela, ela terminou em quarto lugar nas Eliminatórias Olímpicas dos EUA de 2003, retornando quatro anos depois para assegurar a qualificação para representar os EUA nos Jogos de Pequim de 2008.

Tunnicliffe não decepcionou na China, levando para casa a primeira medalha olímpica dos EUA nas provas de iatismo feminino dos últimos 20 anos, com uma regata que precisou ser definida nos últimos metros da corrida final.

"Isso é fenomenal", disse ela na época. "É totalmente inacreditável. Espero por isso há muitos anos. É um sonho que se realiza."

Após esse triunfo, ela decidiu voltar sua atenção para as corridas e, mais uma vez, perdeu pouco tempo em fazer sua marca vencendo o título de Iatista do Ano de 2009 do ISAF Rolex e conquistando o mesmo prêmio no ano seguinte.

Tunnicliffe é apenas a terceira norte-americana a ganhar esse título, juntamente com Paige Railey e Ed Baird, e embora os torcedores do país anfitrião possam se sentir um pouco decepcionados por não vê-la usando seu uniforme nacional em Londres, em 2012, poucos ressentiriam o fato de ela obter ainda mais sucessos.

Você viu?

  • Tradição secular

    'Mulheres do mar', que tiram o próprio sustento mergulhando na Coreia, podem desaparecer

  • Crime sexual

    Após ter fotos íntimas divulgadas, Marina Ruy Barbosa comentou o caso: ‘me senti invadida’

  • Nova arena

    Estádio do Palmeiras começa a tomar forma e já impressiona; veja como vai ficar

  • Jogos

    Daenerys, Khal Drogo e Harley Quinn estão entre melhores cosplays do mês; confira aqui

  • Marmita divertida

    Para demonstrar carinho pela sua filha, pai 'monta' vários personagens de desenhos com comida

shopping