Olimpíadas 2012Olimpíadas 2012Banco do Brasil
Atualizado: Mon, 19 Mar 2012 15:43:56 GMT | Por pa.press.net

Ginástica artística

A ginástica artística é um dos poucos esportes que fizeram parte dos Jogos Olímpicos antigos e modernos.


Ginasta aplica giz nas mãos durante ginástica artística. (© Press Association)

Ginasta aplica giz nas mãos durante ginástica artística.

Ginástica artística

A ginástica artística é um dos poucos esportes que fizeram parte dos Jogos Olímpicos antigos e modernos.

A palavra "ginástica" em si, na verdade, deriva da palavra grega que quer dizer "despido", pois os ginastas antigos se apresentavam sem roupas na Grécia antiga, onde o esporte era visto como uma exibição perfeita da simetria entre o corpo e a mente.

Foi somente durante no século 19 que o esporte que vemos hoje nas Olimpíadas começou a se formar e cinco anos após a fundação da Federação International de Ginástica, a ginástica artística fez sua estreia nos Jogos de Atenas em 1896.

A competição era aberta somente aos homens até os Jogos de Amsterdam em 1928, quando as mulheres participaram pela primeira vez.

Em seu formato atual, os homens competem no solo, argolas, salto, cavalo com alças, barras paralelas e barra fixa, enquanto as modalidades femininas incluem salto, barras assimétricas, trave e solo, com eventos gerais individuais e por equipes também sendo competidos por ambos os sexos.

Nas Olimpíadas, a competição começa com a rodada de qualificação, com os 24 melhores ginastas avançando para a final geral individual. As oito melhores pontuações em cada evento qualifica para a final de cada equipamento individual.

Os competidores precisam combinar força, habilidade, postura e ritmo para marcar pontos em cada equipamento.

Um painel de juízes leva em conta não somente a execução técnica, mas também a artística, assim como o grau de dificuldade da rotina, com pontos sendo descontados por erros.

Há muito tempo considerado um dos esportes mais populares da programação Olímpica, a ginástica olímpica teve seus padrões elevados a um novo nível quando a romena Nadia Comeneci, de 14 anos de idade, alcançou por sete vezes a incrivel pontuação perfeita de 10.00 nos Jogos de Montreal em 1976.

Ginastas hoje se esforçam para alcançar tal nível de perfeição, mas a era das notas 10 perfeitas já se foi há muito tempo, desde a introdução de um novo sistema de pontuação em 2006, que introduziu um "valor inicial" ou avaliação por grau de dificuldade.

Nos tempos atuais, as pontuações dignas de medalhas costumam estar entre 15, 16 e 17.

(Continuação)

Você viu?

  • Profissão perigo

    Limpadores de janelas arriscam suas vidas trabalhando nas alturas

  • Cena quente

    Casal de atores de 'Império' abusa da sensualidade

  • Nova musa do UFC

    Felice Herrig faz ensaio sensual antes de estreia no octógono

  • Moda das ruas

    Veja como estilistas têm se inspirado nos looks da população anônima

  • Pintura tecnológica

    Aquarelas animadas em 3D de Aaron Becker são espetaculares; conheça

shopping